Escrever É Músculo E Os Meus Estão Claramente Flácidos. 

Estou há alguns meses trabalhando em uma agência onde além de planejamento semi-assumi a função de redatora. A grosso modo, isso quer dizer que sou responsável por textos que vão para o cliente. Ou seja, agora eu tenho que escrever pra ganhar meu salário no fim do mês. E aí escrevo como o cliente gosta, daquele jeitinho mesmo que vai caber no modelo da firma, da maneira que reflete o posicionamento de marca.

E nossa, isso é horroroso.

Eu devia ter vergonha de escrever assim. Eu sou muito melhor escrevendo sobre corações partidos, dias na praia, perseguições por animais ferozes (um ganso e uma vaca, em momentos diferentes da vida), invasões alienígenas (quando uma mariposa entrou em casa) ou mesmo sobre publicidade, sobre minha cidade, sobre almoço e janta, sei lá.

Escrever é exercitar um músculo e essa acomodação de só escrever o que vai ser aprovado me deixou preguiçosa e um tanto quanto flácida. Vou começar a levantar peso de novo.

Peçam posts, sugiram temas. Eu escrevo. Vamos ver se assim a coisa vai.

Anúncios

Um comentário sobre “Escrever É Músculo E Os Meus Estão Claramente Flácidos. 

  1. Eu não trabalho mais em agência, mas já me senti assim. Fiquei um tempo sem escrever nada e me sentia pior, então também não me restou outra solução que não fosse exercitar – o que alivia muito a angustia de escrever num modelinho que querem.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s