Fraldas, Frango Assado e Batatas Coradas.

Esses dias uma moça me pediu pra comprar um pacote de fraldas pra ela na porta do Pão de Açúcar. Uma senhora falou “Cuidado, isso é golpe, ela vende as fraldas depois” e eu fiquei meio confusa: como alguém que tem uma criança pequena no braço vende as fraldas? O filho dela faz xixi aonde, senão nessas fraldas caríssimas que ela ganha de clientes do mercado?

Entrei na loja com a pulga atrás da orelha, peguei as coisas que precisava, zanzei pelos corredores. Acabei na frente da gôndola de fraldas, dei de ombros e peguei um pacote de fralda barata e um de lencinho umedecido, porque imaginei que trocar e limpar a criança na rua deve ser difícil. Já perto do caixa senti cheiro de frango assado e botei na cesta uma bandejinha de frango e uma de batatas coradas.

Paguei caro, mesmo sendo a mais barata das fraldas (nunca lembro como fralda é cara, minha nossa) e entreguei pra ela na saída, avisando que tinha também um franguinho pro almoço, além da fralda. Sem que desse tempo de pensar, a moça me abraçou, meio esmagando meus braços que carregavam as sacolas, meio apertando o filho junto, que começou a chorar, a moça chorou, eu chorei, aí eu ri, ela riu, e o moleque continuou chorando porque criança não sabe muito bem que tem coisa que dá pra chorar e rir logo depois.

Pode ser que a moça tenha vendido as fraldas, mas tenho certeza que ela gostou muito do frango assado.

E aí fui trabalhar porque a fralda tá cara pra caramba mesmo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s